Tudo que você precisa saber sobre tinta a óleo

O que obras como Mona Lisa, A Noite Estrelada, Guernica e O Nascimento de Vênus têm em comum? Todas elas foram pintadas com tinta a óleo!

Essas e muitas obras de destaque no mundo das artes demonstram como a tinta a óleo é tida como uma das mais tradicionais técnicas de pintura.

Mas apesar de toda essa importância, você sabe como a tinta a óleo surgiu? Hoje vamos falar mais sobre esse popular material de pintura e apresentar alguns truques e dicas de aplicação da tinta a óleo.

A história da tinta a óleo

Apesar de ter sua origem atribuída aos irmãos Van Eyck, na Europa do século XV, estudos mostraram que a tinta a óleo já era utilizada por chineses e indianos em pinturas budistas durante os séculos V e X.

Durante esse período, mais especificamente no século VIII, alguns povos do Afeganistão também utilizavam a tinta a óleo para realizar desenhos rupestres. A mistura era feita a base de nozes e sementes de plantas

Contudo, a popularização da tinta só ocorreu por meio de artistas espanhóis e holandeses durante o século XV, época em que a pintura a óleo ganhou mais notoriedade e se tornou a principal técnica para a criação das mais diversas obras.

Naquele tempo, os artistas eram responsáveis por fabricar seus próprios materiais, como vernizes, seladores, pigmentos, etc. As “fórmulas” exigiam um certo conhecimento em assuntos considerados hoje áreas da química moderna.

Para dar origem às tintas e aos pigmentos era necessário obter uma mistura de vários tipos de minerais pulverizados e vegetais, ingredientes comercializados em lojas similares às farmácias atuais.

Com o passar dos séculos, a tinta a óleo continuou a ser utilizada, e apesar de passar por modernizações em seu processo de fabricação, a essência da produção continuou a mesma.

Basicamente, a tinta é fabricada hoje através da mistura do pigmento com um óleo, como o de linhaça, e do processo de moagem — que pode ser realizado por meio de diversas técnicas.

Utilidades da tinta a óleo

Conhecida por sua versatilidade, já que pode variar em consistência, textura, brilho, dentre outras características, a tinta a óleo pode ser aplicada em superfícies de madeira ou telas de algodão com o auxílio de pincéis ou espátulas. 

Essa tinta proporciona mais brilho, melhor polimento e cores mais fortes e vivas às obras, além de evidenciar os detalhes.

Outra característica marcante da tinta a óleo é o tempo de secagem, que pode variar de um dia a uma semana, para secagem apenas da superfície, até seis meses a um ano, para secagem total da obra.

Essa demora da tinta para estar completamente seca permite ao artista corrigir possíveis defeitos e alterar cores, traços e desenhos da obra com mais tranquilidade.

As pinturas a óleo podem decorar diversos ambientes, porém, elas recebem mais destaque em espaços mais formais ou rústicos. 

Como usar tinta a óleo

Agora que você já conhece mais sobre as tintas a óleo e a utilidade delas, anote algumas dicas e truques para facilitar a pintura com esse material.

  • Utilize um selante antes que iniciar a pintura: aplicar gesso sobre a superfície de pintura (tela, madeira, papel, lona, etc.) funciona como um selante que protege a tela contra os ácidos da tinta, evita que o óleo penetre na superfície e uniformiza a área de pintura, facilitando o trabalho.
  • Aplique a tinta mais diluída primeiro: começar a pintura com uma tinta mais fina e diluída facilita a secagem das camadas iniciais e evita que a pintura se quebre. Somente após essa aplicação é aconselhável partir para a tinta mais espessa e com maior quantidade de óleo para compor as camadas finais da obra.
  • Pratique em telas menores: seja para um iniciante em pintura a óleo ou um artista em fase de experimentação, as telas menores são uma boa indicação. Elas ajudam o pintor a testar diferentes cores, misturas e técnicas sem a necessidade de investir grandes quantias em material e sem o medo de errar ou “estragar” a obra. 
  • Estude a teoria das cores: conhecer as cores, a relação entre elas e como as misturas funcionam é fundamental para quem está começando a pintar ou se interessa sobre o assunto. Aprender sobre teoria das cores, tons primários e secundários, cores quentes e frias e como transitar entre elas facilita o processo de pintura, contribui para a criação de novos tons e resulta em uma obra com melhor acabamento e cores mais vibrantes.

Obras mais conhecidas

A tinta a óleo é tão importante para o mundo das artes que ela foi o principal material para grandes artistas comporem as obras mais famosas do mundo!

Confira alguns quadros pintados a óleo:

 

Se você quer aprender sobre a tinta a óleo na prática e desenvolver suas habilidades, adquira os materiais necessários na Grafitti Artes.

A Grafitti possui todas as ferramentas para artistas e pintores dos mais variados níveis de experiência realizarem diversas obras com pintura a óleo.

Conheça a variedade de tintas a óleo, cavaletes, superfícies para pintura, pincéis, espátulas, livros para pintura e muito mais!

Acesse o site da Grafitti e descubra um mundo de possibilidades artísticas.

Você pode gostar de...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *