Qual o significado das cores?

Muito utilizadas na comunicação e na publicidade, as cores exercem uma certa influência no psicológico das pessoas. Responsáveis por transmitir diversas sensações distintas, as tonalidades podem tanto estimular e energizar quanto tranquilizar e transmitir paz. Mas você já se perguntou qual o significado das cores?

Quando aplicadas em peças publicitárias ou até mesmo em trabalhos artísticos, as cores provocam sensações no espectador, transmitindo significados e sentimentos diversos. 

Graças a esta ação das cores, é possível fazer com que o público compreenda melhor todo o conceito e propósito por trás de um trabalho. 

Entenda a Psicologia das Cores

A Psicologia das Cores é um estudo que visa compreender e mostrar como o cérebro humano identifica as cores e reage a elas.

Através de pesquisas, esta área da psicologia analisa como nosso cérebro transforma as cores em sensações e quais efeitos cada tonalidade gera nas pessoas, como alterações nas emoções, criação de desejos, mudanças de sentimentos, etc.

Enquanto as cores quentes, como vermelho, amarelo e laranja são estimulantes e dinâmicas, as cores frias, como azul e roxo são estáticas e possuem caráter tranquilizante e calmante. 

Ficou curioso e quer saber mais sobre o significado das cores?

Conheça algumas definições por trás das principais tonalidades que utilizamos e percebemos no dia a dia: 

 

  • Vermelho: cor estimulante que significa paixão, desejo, amor, energia e força, mas também fúria, ira, poder e perigo.
  • Rosa: representa romance, amor, inocência, beleza, charme, delicadeza e feminilidade.
  • Laranja: tonalidade estimulante, representa energia, movimento, espontaneidade, entusiasmo, vibração, extravagância e excesso.
  • Amarelo: cor que desperta e remete à sabedoria, conhecimento, alegria, leveza, descontração, juventude e otimismo. Pode representar também covardia, traição, inveja e perigo.
  • Verde: tonalidade que simboliza esperança, perseverança, calma, vigor, orgulho e juventude. 
  • Azul: representa fé, espiritualidade, paz, tranquilidade, calma, lealdade, segurança, confiança, harmonia e limpeza.
  • Roxo: remete à realeza, nobreza, dignidade, sinceridade, sabedoria, conhecimento, iluminação, prosperidade, transformação, erotismo e intimidade. Mas pode representar também crueldade e arrogância.
  • Marrom: representa estabilidade, maturidade, resistência, simplicidade, conforto e responsabilidade.
  • Preto: significa poder, sofisticação, formalidade, elegância, riqueza, mistério e estilo. Pode representar ainda medo, tristeza, remorso, raiva e infelicidade.
  • Cinza: tonalidade que promove equilíbrio e estabilidade.

 

  • Branco: cor que remete à paz, calma, inocência, sinceridade, pureza e verdade.

Utilizando as cores de forma certa 

As cores representam poderosos elementos da comunicação visual, pois, como mencionamos, elas transmitem sensações, influenciam nos sentimentos das pessoas e apresentam ideias. 

Considerando toda a importância das cores, a utilização das tonalidades em trabalhos artísticos deve ser feita de maneira inteligente e adequada. 

Mas apesar de cada cor apresentar um significado definido, o trabalho com as tonalidades não possui regras exatas a serem seguidas. 

A utilização das melhores tonalidades para um projeto artístico vai depender de uma série de questões, desde os sentimentos do artista até as sensações que ele deseja transmitir ao público através da obra. 

Agora que você já conhece um pouco mais sobre o significado das tonalidades e a Psicologia das Cores, que tal utilizar estes estudos em seus próximos trabalhos artísticos?

Na Grafitti Artes, você encontra uma ampla gama de tintas, lápis, gizes de cera e papéis coloridos para trabalhar a Psicologia das Cores em suas obras. 

Confira algumas opções de materiais artísticos:

E muito mais!

Acesse a loja virtual da Grafitti Artes e conheça todas as linhas de produtos. 

Você pode gostar de...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *