5 dicas muito úteis de como usar um compasso

Todo estudante ou profissional já formado nas áreas de arquitetura, design, artes e artesanato precisa se manter bem informado e atualizado sobre as técnicas e os materiais necessários para exercer sua profissão, além de saber como utilizá-los corretamente e aperfeiçoar o uso deles em seu dia a dia.

Para produzir um bom desenho, os materiais essenciais são: papel, régua, escalímetro, compasso, esquadro, marcador, caneta nanquim e lápis. O compasso é uma ferramenta de desenho muito útil de se ter por perto. Pode ser usado, por exemplo, para fazer círculos perfeitos, para fazer segmentos de reta iguais e para achar o ponto médio de uma linha.

Neste post, vamos apresentar uma lista com 5 dicas para você aprender como usar um compasso para desenhar outras formas, além de círculos, de maneiras simples e eficientes. Vamos lá?

1. Como fazer segmentos de reta iguais usando um compasso?

Coloque a ponta do compasso em uma das extremidades do segmento de reta que você deseja duplicar. Controle a abertura para que a ponta do lápis/grafite/mina coincida com a outra extremidade da reta. A seguir, desenhe uma segunda linha usando uma régua. Faça-a um pouco maior do que o segmento que você está duplicando e posicione a ponta do compasso em uma de suas extremidades.

Por fim, desenhe um arco de circunferência com o compasso que faça uma intersecção com o segmento de reta e apague a parte que ficou além da marca do lápis. A linha gerada é igual em comprimento ao segmento inicial que você queria duplicar.

2. Como encontrar o ponto médio de uma linha com um compasso?

Posicione a ponta do compasso em uma das extremidades do segmento de reta. Então, abra o compasso de forma que o lápis alcance além do ponto médio do segmento e desenhe um arco acima da reta e outro abaixo.

Mantenha o compasso aberto na mesma configuração e posicione sua ponta na outra extremidade da linha. Desenhe arcos acima e abaixo do segmento de reta. Esses arcos farão intersecção com o primeiro conjunto de arcos já desenhado.

Use uma régua para desenhar uma linha do ponto onde os arcos de cima se tocam até o ponto onde os arcos de baixo se tocam, passando essa linha pela reta em análise. O ponto onde essa nova linha encontra a linha original é o ponto médio.

3. Como usar um compasso para desenhar um hexágono?

Comece desenhando um círculo simples, de raio do tamanho correspondente ao tamanho do lado do hexágono desejado. Então, posicione a agulha/ponta do compasso em cima da circunferência desenhada e marque um arco que atravesse o círculo.

Mova a agulha para a intersecção do arco com o círculo e crie uma segunda intersecção. Repita o processo até que haja seis pontos marcados no círculo. Ligue os pontos cuidadosamente com uma régua para criar um hexágono perfeito.

4. Qual é a pressão correta que devo fazer no lápis ao usar um compasso?

É difícil aplicar pressão usando um compasso. Usar um grafite (também chamado de mina) duro demais pode resultar em uma linha leve demais. Já um grafite mais macio, com ponta chanfrada, geralmente produz uma linha bastante nítida sem a necessidade de pressão exagerada. No entanto, uma ponta chanfrada fica arredondada rapidamente, devendo ser refeita com frequência.

5. Como manter a ponta do compasso protegida quando não estiver usando?

Quando não estiver em uso, o compasso deverá sempre ser guardado em um recipiente fechado. A ponta afiada pode causar arranhões e cortes caso fique exposta. Você pode proteger a ponta com um pedaço de borracha, por exemplo. Muitos compassos já vêm com uma capa protetora para a ponta. O importante é nunca deixar de protegê-la, até mesmo para aumentar a vida útil de seu instrumento.

Um adaptador permite que canetas nanquim sejam utilizadas em um compasso. Até mesmo círculos maiores podem ser desenhados, usando um compasso com extensor.

Gostou dessas dicas? Temos certeza que elas te ajudarão a aprimorar suas habilidades ao usar um compasso! Para ter acesso a mais conteúdos sobre arquitetura, design, pintura e desenho, não deixe de seguir a Grafitti Artes nas redes sociais!

Você pode gostar de...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *