Saiba mais sobre 5 diferentes tintas para desenho

Tinta guache, óleo, acrílica, nanquim. São vários os tipos de tinta para desenho que você pode utilizar para realizar os seus trabalhos. Mas será que você sabe as características e especificidade de cada uma?

Acompanhe este texto e descubra as principais informações sobre os 5 tipos mais usados de tintas para desenho!

1. Guache

tinta guache é uma tinta mais simples de ser trabalhada. Ela é solúvel em água, rápida na secagem e opaca. Além disso, também é muito fácil de ser misturada para se criar novas tonalidades. Por conta disso, costuma ser a tinta mais presente nas salas de aula.

Mas se engana quem pensa que a guache é uma tinta para crianças: se bem trabalhada pode gerar trabalhos artísticos de qualidade com tempo de produção reduzido. Ela ainda facilita na hora de fotografar esses trabalhos, já que, por ser opaca, não reflete a luz.

2. Aquarela

aquarela tem uma composição química bastante parecida com a tinta guache, com a diferença de possuir maior concentração da sua base hidrossolúvel, o que resulta em uma tinta mais translúcida.

Ela gera um efeito aquoso inconfundível e peculiar quando misturada à água. Por ser marcada por um traço mais indefinido, requer um pouco mais de treinamento para gerar um resultado interessante.

3. Acrílica

Essa é uma tinta ótima para iniciantes, porque é versátil, seca rápido e se dilui em água. A partir dela pode se obter um efeito tipo aquarela, caso seja muito diluída, ou um efeito mais próximo da tinta óleo, caso não seja.

Ela tem um aspecto brilhante e sedoso e adere bem a outros tipos de materiais, como madeira e telas.

4. Óleo

A tinta a óleo é ideal para pintura em telas, largamente utilizada nos quadros dos pintores mais famosos, como Van Gogh, Picasso e Monet. É uma das tintas das mais espessas, por isso é fácil de ser controlada. Mas não se engane: para trabalhar com ela é preciso ter muita técnica, porque no caso de erro é muito difícil de consertar.

Tem um processo de secagem bem lento, assim talvez não seja a melhor opção para um trabalho em larga escala. Porém, para trabalhos artísticos únicos é uma excelente opção, já que permite a fácil mistura de cores, além da possibilidade de empregar texturas.

5. Nanquim

O uso da tinta nanquim em obras artísticas já virou um estilo próprio pela característica peculiar que ela concede ao trabalho. É algo tal qual a aquarela — é só bater o olho e já possível perceber o estilo.

Além da parte artística, o nanquim também é muito usado para a escrita. Os chineses já conheciam e usavam o nanquim em seus manuscritos há milênios, tendo sido eles mesmos que inventaram a técnica de produção dessa tinta. Apesar disso, o material ganhou mais fama com o seu uso no Japão.

A tinta nanquim é opaca, muito fluida e de secagem rápida, o que torna sua aplicação irreversível depois de secar. Por isso, é considerada uma técnica de precisão. Não por acaso era muito utilizada para desenhos de engenharia e arquitetura antes dos programas de computador.

Curtiu as dicas sobre tintas para desenho? Achou que ficou faltando alguma informação? Então deixe um comentário aqui embaixo contando para gente!

Você pode gostar de...

1 Resposta

  1. Hatsune BR disse:

    Achei muuuuuuito útil, obrigada. Estava procurando muito algum blog sobre tintas. Bjss, continuem assim??

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *